Acompanhe via: Email Arvoredo via RSS Arvoredo no Youtube Arvoredo no Twitter Arvoredo no Facebook Loja Arvoredo no Facebook

Arvoredo Brasil - Instituto Agroflorestal

Erva-Mate

Nome popular: Erva-Mate
Nome científico: Ilex paraguariensis St.Hill
Família: Aquifoliaceae
Origem: Espécie nativa da América do Sul.
Sinonímia popular: Mate, erva-do-paraguai.
Parte usada: Folhas
Forma de Utilização: chás

A erva-mate é uma árvore da família das aquifoliáceas, originário da região subtropical da América do Sul, presente no sul do Brasil, norte da Argentina, Paraguai e Uruguai. Os indígenas das nações Guarani e Quíchua tinham o hábito de beber infusões com suas folhas. Pode atingir 12 metros de altura, tem caule cinza, folhas ovais e fruto pequeno e verde ou vermelho-arroxeado. As folhas da erva-mate são aproveitadas na culinária. A palavra mate deriva do quíchua mati que designa a Cuia ou seja, o recipiente onde o chá era bebido ou sorvido por um canudo (bomba). O hábito ainda hoje é muito popular em todo o sul da América do Sul, e no Brasil a bebida é chamada de Chimarrão. Canoinhas, SC, é considerada a capital mundial da Erva-Mate.

Outra prática bastante popular no planalto curitibano, habitat original da erva-mate, é conciliar o plantio da Araucária com o do mate. Técnicas como essa são comuns para um controle ambiental mais rígido, e para evitar o desgaste do solo.

Principio ativo: cafeína, teofilina e teobromina que são três alcalóides, taninos e ácido clorogênico.

Propriedades terapêuticas: Estimulante, diurética, digestivo, excitante, laxante, sudorífera, tonificante.

Indicações terapêuticas: Fraqueza, depressão nervosa, ulcera, pâncreas. Contra-indiciado em casos de insônia.

Outros usos: Corante.

Época de Colheita: ano todo


Veja páginas relacionadas:

Funchos e joaninhas
Você sabe Qual a diferença dos nossos chás?
DoDesign-s Design & Marketing